Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (14)99882-1475

Encontre o que deseja

<
NO AR

100% SERTANEIJO

    Brasil

Protestos contra a Reforma da Previdência também chegam a Garça

Publicada em 16/03/17 as 10:37h por - OndaMix FM - 213 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: - OndaMix FM)
Em Garça, funcionários do Judiciário apoiaram o movimento

O dia de ontem foi marcado por protestos em todo o território nacional. Trabalhadores de várias categorias (como Saúde, Educação, Judiciário) realizaram atos contra as reformas da Previdência e Trabalhista e por conta dos protestos, em algumas cidades, escolas ficaram  fechadas. Em Garça, muitos estudantes da rede estadual de ensino não tiveram aulas e os trabalhadores do Judiciário aderiram ao protesto e encamparam nas reinvindicações uma luta da categoria. Segundo os trabalhadores, 55 mil funcionários do Tribunal de Justiça de São Paulo vêm sofrendo com o não cumprimento da data-base.


Com faixas e cartazes, a manifestação ficou restrita às dependências do Fórum, mas traduziu a insatisfação da categoria.


"O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP), num período dos últimos 8 anos só  pagou a data-base completa (integral) num período de 3 anos, em 2012, 2013 e 2014. O restante do período de 8 anos, em 4, o TJSP deixou de cumprir a data-base completa integral", relata um comunicado divulgado pelos manifestantes.


Segundo o comunicado, em 2010 o TJSP pagou 4,77%, em 2011 - 1,5%. Já em 2015 foram pagos 1,18% e no ano passado - 4%. Assim, segundo os manifestantes, 55 mil trabalhadores estão por receber deste período de quatro anos, que ainda restam 11,45% (não corrigidos).


"Os servidores do Judiciário Paulista não são culpados pela crise no país", afirma Wagner Souza, presidente do Sindicato União.


Convocados pelo Sindicato União dos Servidores do Poder Judiciário do Estado de São Paulo, em ato pacífico, servidores e representantes da UGT (União Geral dos Trabalhadores), Sindicato dos Comerciários do Estado de São Paulo, Sindicato dos Motoboys de São Paulo e a população que se juntou na Praça João Mendes, realizaram uma manifestação contra a PEC 241, atual 55/2016 que está no Senado Federal.


Servidores de vários fóruns (Presidente Prudente, Lins, Marília, Cafelândia, Itapira, Mogi Guaçu, Santa Isabel) engrossaram a manifestação no Estado de São Paulo, mostrando a revolta dos servidores contra os ataques aos seus direitos, que os governos vêm promovendo sistematicamente. 






ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário

Nossos Parceiros

 
 
 
 

Nosso Whatsapp

 (14)99882-1475

R. XV de Novembro, 74 - Vera Cruz - SP - Fone 3492-1475 - E-mail contatoondamix@gmail.com - Todos os direitos reservados